Déjà vu

Déjà vu.

Encontrei minha alma gêmea.
E agora quero dividir, e,
Descobrir seus segredos.

Sonho com ela todos os dias.
Confesso que esse amor
Só cresce a cada dia.

Quero saber tudo sobre você.
Até quando espirra me preocupo.
Nesse amor que sinto por você.

Você é a mulher que desejo!
Que quero cuidar até teus
Cabelos grisalhos ficarem.

E todos os dias quero irei-me
Declarar, esse amor nesse Déjà vu
Como se fosse à primeira vez.

Poeta
by@xandy
17/03/19

Deixe uma resposta